É preciso cuidado ao alugar imóveis; confira dicas

É preciso cuidado ao alugar imóveis; confira dicas
Aluguel diário de imóvel no Litoral de São Paulo para Natal e Ano Novo aumenta até 139,64%

É preciso cuidado ao alugar imóveis (Witthaya Prasongsin/Getty Images)

Em busca de sossego e privacidade, muita gente prefere alugar uma casa em vez de um quarto de hotel para curtir o clima da estação nas férias com a família. Porém, é preciso cuidado na escolha para não entrar numa fria. Anúncios falsos ou fotos diferentes da realidade trazem riscos aos negócios fechados à distância.

O Conselho Regional de Corretores de Imóveis do Estado de São Paulo (CreciSP) ressalta a atenção aos imóveis “fantasmas”. A dica da instituição é buscar um corretor ou imobiliária, sempre conferindo a idoneidade dos profissionais.

Por nome completo ou número do Creci, é possível consultar cada cadastrado no www.crecisp.gov.br (São Paulo) e no http://www.creci-rj.gov.br/hotsite/ (Rio de Janeiro). Quem não tem habilidade com a internet pode procurar o Poupatempo.

Outra dica é exigir o contrato de locação, mesmo para um período curto ou após indicação de amigos. Vale receber o documento por e-mail, Correios ou aplicativo de conversas instantâneas, como explica o advogado especialista em Direito Processual Civil e Direito do Consumidor Eduardo Kliman – também presidente da Ordem dos Advogados do Brasil Subseção São Vicente (OAB-SV).

“A primeira observação na hora da locação é se o documento está assinado pelo locador. Deve ser observado também se as descrições do imóvel estão de acordo com as apresentadas no anúncio e verificar se o valor e o período correspondem ao combinado”, diz ele, lembrando que advogados podem tirar dúvidas.

Nos aplicativos

Segundo Kliman, não há lei especifica para os serviços de locação por aplicativo. Portanto, os tribunais têm se baseado no Código de Defesa do Consumidor. Sendo assim, esses sites ou apps são corresponsáveis pelas transações, já que na intermediação também recebem uma parte do valor.

“Caso o usuário seja vítima de um golpe com a utilização do aplicativo, sugiro que procure um advogado e ajuíze uma ação solicitando o reembolso do valor pago e, dependendo do caso, busque uma indenização por danos morais”.

O coordenador do Procon-Santos, Rafael Quaresma, conta que se houver problemas também é possível buscar a entidade. Mas o melhor é se prevenir.

“Vale também verificar a reputação de quem está na rede, ver se o anunciante já fez locações anteriores e quais a avaliações recebidas. Além disso, evitar o pagamento antecipado e integral. Dar só um sinal antes é uma forma também de minimizar os riscos”.

Gato por lebre

Kliman lembra que alguns aplicativos têm um serviço de fotos verificadas – uma carta na manga para se certificar que o negócio é real. Mesmo assim ele recomenda salvar o anúncio, printar as telas e guardar todas as informações trocadas com o locador.

Locação, Compra e Venda

Nós da Pacífica estamos sempre atentos às necessidades de locadores, locatários e proprietários. Assim, trabalhamos para garantir que todas as partes estejam bem representadas e assistidas nas transações feitas.

Se você tem um imóvel parado e quer alugá-lo ou vendê-lo, ou está buscando um novo lugar para morar ou levar sua empresa, entre em contato conosco e saiba todas as vantagens que oferecemos.

Fonte: A Tribuna

O papel da administradora de imóveis
Airbnb em condomínios
18 de junho de 2019
Como escolher o imóvel comercial certo para seu negócio
Guia definitivo para escolher o bairro para morar
Fiador, seguro-fiança e caução: conheça as diferenças
A importância do corretor no processo de compra, venda e locação

2 Comentários

Deixe um Comentário